domingo, 31 de julho de 2011

Estou num poço sem fundo e não vejo perspectivas de lá sair. Quando há a certeza dos sentimentos do outro é fácil dar a volta e ter esperança de ultrapassar os maus momentos. Quando não há... não resta grande coisa.
O que eu temia e suspeitava, aconteceu. Ele acha que já não gosta de mim.  

quinta-feira, 28 de julho de 2011

Louis Vuitton versus Louboutin

Não sou rica, estou bem longe de até de ser da classe média, e apesar de gostar de algumas coisas caras e até das desejar, a Louis Vuitton não faz parte dos meus sonhos de consumo.
Não é que embirre com a marca, mas o facto das imitações proliferarem em todas as boutiques C's deste país, faz com que mesmo que eu tivesse uma mala verdadeira, passaria por uma imitação! No fundo, não sou fã o suficiente para cometer a loucura de gastar mais de metade do meu ordenado numa mala destas:


Agora, uns sapatos Louboutin... ai, ai, ai!!!


quarta-feira, 27 de julho de 2011

O que vou fazer nas férias:

  • Arrumar o quarto;
  • Arrumar a leitura da enorme parga de livros;
  • Namorar com o Mais que Tudo (bem precisamos!!);
  • Vegetar em grande estilo;
  • Olhar o céu estrelado sem pensar em nada.
Enfim, esta é a short list...

    terça-feira, 26 de julho de 2011

    O início das férias!

    Estou quase de férias e instala-se a incerteza: como é que vai ser a minha vida profissional em setembro? Quando termina um ano lectivo é sempre a mesma coisa. Será que vou ter trabalho? Será que vou ter de esperar muito para ficar colocada? Será que terei um horário completo? Será que vou ficar colocada até 31 de agosto? São tantas as questões e as respostas não aparecem. Vida de professora é bem tramada e não há vias de ficar melhor. Ainda há quem pense que temos muitas férias e um horário semanal fantástico mas, a realidade está cheia de relatórios, papéis, testes e outro tipo de documentos a serem preenchidos, de miúdos complicados e de pouca estabilidade profissional.
    Enfim, foi a vida que eu escolhi e apesar de não haver arrependimentos, há dias chatos.

    Outra vez a pensar no Outono...

    

    Zara

     

    domingo, 24 de julho de 2011

    Olhar em frente, sem equecer o que está para trás.

    Esta semana fizeram-me ver o quanto estava a meter os pés pelas mãos. Desviei os olhos do meu umbigo e vi o quanto esta a ser má para a pessoa mais importante da minha vida. Olhei para mim, bem lá no fundo e não gostei do que estava a ver. Tive razão, mas acabei por me perder na minha própria orgia de sentimentos contraditórios, de uma cegueira parva que não me fazia ver o que realmente importava, ele.
    Nesta história, ninguém está isento de culpas e nem procuramos encontrar o causador. Dissemos o que pensavamos, sentiamos e queriamos. Estou pronta para aprender com os meus erros e não os voltar a repetir, não quero ser aquela pessoa.
    Senti que tenho muito medo de o perder, de não conseguirmos dar a volta aos nossos problemas e que os fantasmas da nossa relação nos venham assombrar.
    Confesso que estou com medo, muito medo mesmo, mas ao mesmo tempo sinto que não vou baixar os braços. Vou lutar por aquilo que mais quero.

    sexta-feira, 22 de julho de 2011

    Uma coisa que me faz pular!

    O Meu Mais Que Tudo acabou o curso! Iupi! Depois de tanto esforço, dedicação e empenho, ele conseguiu concretizar os seus objectivos. Quem quer muito e trabalha para isso, alcança.
    Estou muito orgulhosa!

    quinta-feira, 21 de julho de 2011

    Uma parte do mestrado já tá!! Será que as férias demoram muito a chegar? Acho que ainda falta, tenho vigilâncias de exames na próxima semana. Mais uma prova de matemática para desenvolver varizes!!!

    sexta-feira, 15 de julho de 2011

    5 coisas que me fazem revirar os olhos:

    • Calças corsário;
    • Senhoras que passeiam todo o ouro que lá há por casa, incluindo o dente de leite dos filhos e/ou netos;
    • Homens com o look Cristiano Ronaldo em versão Boutique C (o original é igualmente de fugir!);
    • Noivas com estilo de alternadeiras e noivos com fatos brilhantes, tipo papel de alumínio;
    • Morenas que viram louras e dizem que dizem: é a minha cor natural. 
    RAY-BAN RB3362 003/32

    Adoro estes óculos
    Ray-Ban

    Nota: não há nada como olhar para coisas boitas para alegrar o dia, não é?

    Um dia para esquecer

    Hoje foi um dia para esquecer, por isso nem me digno a relatar o que se passou. Não foi nada relacionado com o Mais Que Tudo (ele foi um querido a ouvir os meus os meus desabafos) mas sim com o mestrado. Um dos trabalhos não correu como eu esperava e fui-me um pouco abaixo. Agora só me resta seguir em frente e não repetir os mesmos erros. Acho que a isto se chama: aprender!
    Pelo menos já não estou tão manca, menos mal.

    quinta-feira, 14 de julho de 2011

    Acordei a mancar!!!

    Ando coxa!! Acordei com uma dor imensa no pé direito e agora ando de bengala!!! Não sei o que é e até acho que quando for ao médico vou fazer papel de parvinha!!

    Médico: Então como é que fez isto? Fez um entorce?
    Eu: Não sei... acordei assim.
    Médico: ????

    O dia de amanhã vai ser bonito, como é que eu vou à faculdade? Tenho de madrugar para consegui estacionar perto da FLUC, se não for assim, não sei como vou conseguir lá chegar, a mancar como estou agora. 


    Uma boa conversa é meio caminho para chegar lá!

    Um boa conversa, aberta e franca resolve muita coisa. Ajuda a ponderar, a ouvir a outra parte e a descobrir o que não está a funcionar.
    É por isso que eu sei que o meu mais que tudo é a pessoa da minha vida.

    quarta-feira, 13 de julho de 2011

    Estou farta!

    Olhei para o calendário dos meses passados e deu-me um arrepio! Desde março que só estive com o meu mais que tudo: quatro dias incompletos. Irra que estou frustada, muito mesmo. O meu primeiro ano de casada tem sido uma verdadeira merda e promete ainda durar.
    O mais que tudo parece que descobriu a vida académica, e apesar de estudar com empenho, também se dedica com igual empenho em ir para os copos. Pensar em nós os dois, não dá: eles (os colegas) estão às espera!! E é claro, aí deles que esperem, não é?! Eu que fique à espera, pois realmente é o que eu tenho feito nestes últimos meses, esperar, esperar... Nunca fui ciumenta e agora tenho ciúmes dos colegas dele.  
    Ando verdadeiramente a atingir o limite!!!   

    domingo, 10 de julho de 2011

    Balanço de mais um fim de semana

    Mais um fim de semana que passou e mais uma vez entrei em conflito com o mais que tudo. Cheguei a uma fase em que a minha compreensão anda nos níveis nínimos e isso acaba por se refletir naquilo que sinto, penso e digo. Compreendo o ponto de vista dele, aceito as justificações e os motivos, não duvido nem desconfio, mas sinto que recebo pouco. Passo o dia à espera daquele telefonena, de uma mensagem, de um mimo e quando isso não acontece, fico magoada e acabo por ser injusta. Só quero um bocado de atenção e acabo por pôr os pés pelas mãos.  
    Estou a contar os dias para o curso dele acabar. Ainda falta tanto para finalmente poder estar com ele! Olhá-lo, cheirá-lo, dormir ao lado dele.  Partilhar o dia a dia que nos tem faltado nestes últimos dez meses.
    Só quero que a minha vida seja uma realidade. Apesar de tudo, acho que merecemos um pouco de boa vida. 

    sexta-feira, 8 de julho de 2011

    Estou quase a terminar!!! Nem acredito!!! Só falta imprimir... Ufa, que estava a ver que não conseguia!!

    quinta-feira, 7 de julho de 2011

    Estou a bufar!!

    Estou a bufar!!! Tenho ainda tanta coisa para escrever até sexta...
    Quem manda estudar? Pois é, agora aguenta!!!

    terça-feira, 5 de julho de 2011

    As minhas primeiras Melissas!!

    As minhas primeiras Melissas!! Comecei por uma cor clássica, o preto. São lindas, confortáveis e cheirosas!! Depois de ir a Coimbra entregar um trabalho, não resisti e resolvi cometer uma pequena extravagância.





    segunda-feira, 4 de julho de 2011

    Casamento de Alberto e Charlene: será que vai resultar?


    Que casal de noivos sem qualquer química entre eles!!! Não segui o casamento com atenção, mas as expressões faciais dos noivos metiam dó!!! Ela mal conseguia expressar um sorriso e ele parecia que não lhe ligava nada. Um horror de artificialidade.
    Acho que a má sina da família monegasca atinge todos aqueles que se juntam a ela. Não espero nada de jeito deste casório 

    sexta-feira, 1 de julho de 2011

    Fátima Felgueiras absolvida!!!

    Ora não é que a Sô Dona Fátima Felgueiras foi absolvida!!! Há uns tempos pensava que tinhamos o país que mereciamos, agora... já não acho isso!! Podemos merecer muita coisa, mas governantes destes, haja paciência que ninguém merece!!!!
    Ah, e ainda devemos pagar a bela da indenização choruda, por tanto que a senhora passou. Isso iclui as despesas da viagem e estadia no Brasil e claro, os danos morais!!!

    Haja paciência!!!!