domingo, 31 de agosto de 2014

Modelito do casório

Tentativa de disfarçar as olheiras!

Detalhe da blusa

Combinei esta blusa com umas calças pretas de corte direito


Sandálias Zara; clutches e brincos Parfois; corrente de relógio em ouro (antiga) adaptada a pulseira
 


Ontem foi dia de casório

Ontem foi dia de casório e apesar do cansaço a coisa correu bem. O irónico da coisa foi a data. No dia em que fazia 3 anos que o meu casamento se transformou num divórcio estava num casamento! Espero mesmo que os meus primos tenham toda a felicidade do mundo, merecem!

sexta-feira, 22 de agosto de 2014

Relatório da Toca:


  1. já come comida molhada;
  2. já vai à areia mas houve um incidente com o cocó (casa de banho como o chão cheio de pegadinhas cagadas!);
  3. corre por toda a casa que mal se vê;
  4. pensa que os cães são amigos e gostam dela (acho que eles pensam que ela é um petisco que não para quieto);
  5. aprendeu que o miar é uma forma de conseguir o que quer;
  6. morde e aranha dedos das mãos e dos pés; 

Sim, a minha Toca é preta!

E eu tenho tanta sorte de a ter na minha vida! 


A Culpa é das Estrelas



Sim, é um teen movie mas ao mesmo tempo tocante e que nos faz pensar. Gostei!

quinta-feira, 21 de agosto de 2014

Rescaldo de ontem

Felizmente que há noites como a que tive ontem. Boa comida, boa bebida e, principalmente, boa conversa. Sabe bem ter uma noite destas depois de uma vidinha de cão que tenho tido. Dia 30 há casório e as festas do verão ficam arrumadas. 

terça-feira, 19 de agosto de 2014

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Acumulador?

Depois de ter recuperado o meu pc (ainda estou a sofrer com rombo!) não tenho tido muito tempo para andar por aqui. Os meus dias tem sido passados de pincel na mão, a pintar armários, portas e afins, a lavar azulejos e a deitar tralha no lixo na antiga casa do meu avô. Acordo às 7.30 para dar o leite à Toca, visto-me e enfio o pequeno almoço ainda meio zombi. Quando chego à casa vou com uma rabuja que ninguém me atura. Nem eu! Passo toda a manhã nas lides domésticas até à hora de almoço. Lá venho para casa almoço, dou o leitinho à Toca e vegeto no sofá até ao turno da tarde. Lá ando eu das 5 até às 8h. Quando chego a casa, a única coisa que me faz arrebitar as orelhas é o banho. Um belo e refrescante banho. No fim sinto-me uma pessoa de jeito. Tenho as mão que parecem lixa e um bronze à trolha que faz lembrar os meus tempos de arqueologia (saudades!).
Esta casa ficou de herança para a minha mãe e, felizmente, os meus pais conseguiram alugar a casa mas era preciso dar uma grande volta nela para que alguém a possa habitar. Durante esta limpeza fiquei com a distinta impressão que o meu avô é um acumulador!!! Oh céus, espero que isso não me aconteça.

quinta-feira, 14 de agosto de 2014

No último dia do meu voluntariado, fui presenteada com este ramo como forma de reconhecimento pelo trabalho que lá fiz:


Quase que chorei!

quarta-feira, 13 de agosto de 2014

Apresento a Toca!

Dia 1 de agosto


Hoje

Encontrada numa toca de figueira (daí o nome, Toca), depois de ter sido abandonada pela mãe, passou a ter-me como mãe. Tenho acordado às 7.30 para dar o primeiro leite e só finalizo às 24.30. Está cada vez mais atrevida e tem feito as minhas delícias. A Batata não gosta lá muito dela (acho que se eu deixasse ela comia-a!) mas o Pinhão tem um fascínio e curiosidade que são uma delícia de observar. 
Aqui está o novo membro da minha família!

domingo, 10 de agosto de 2014

Estou de volta!

Finalmente o meu pc está arranjado  e posso matar saudades do mundo do meu blog. Aviso desde já que há novidades!